Pensa num projeto “Chiquetérrimo” gente! Daqueles que a gente se orgulha de um jeito que não tem nem como medir? Tá aí, venha ver um desenho de livro lindooooo, chega mais.

Livro Pessoal Henrique Ravasi

Um Livro Pessoal para o Henrique Ravasi – clica aqui para ver como ficou!

Ordenar e criar identidade para artista de verdade expor é uma honra. Tive o privilégio de organizar em um Livro Pessoal o trabalho de um amigo e fotógrafo que admiro muito. E com quem aprendi muito no tempo rico de CineFotoClubismo compartilhado com tanta gente grande em Ribeirão.

Em agosto, o Henrique me procurou para iniciarmos esse projeto. Já era finalmente a hora de tirar essa ideia do papel, que ele ensaiava há anos em conversas que tínhamos. Eu ia eu desenhar um livro que trouxesse o seu trabalho show de fotógrafo e artista, produzido e selecionado para as Mostras de Arte e Fotografia realizadas em Ribeirão Preto, dentro do Programa Exposições da cidade. Uma espécie de Catálogo de sua produção em fotografia, dentro desse recorte específico. Finalmente ele imprimiria e eternizaria em papel imagens que fizeram exposição inspirada em paredes nos espaços expositivos mais importantes de Ribeirão.

 


O Livro e seu propósito

Henrique Ravasi/ Impressões. Livro Pessoal no formato de 25×20 cm, 76 páginas em couché fosco.
(Henrique, me manda uma foto para eu colocar aqui :)! )
Esse livro foi a realização de um projeto muito desejado. Finalmente imprimir em papel suas tantas impressões já ampliadas grandes em foto exposta nas paredes: suas 7 Exposições selecionadas de um trabalho admirável. Conseguimos!

Henrique sabia o que queria desde o primeiro momento que conversamos. E foram semanas de muitas outras conversas, seleção e compilação de materiais, definição de formatos, arruma aqui e ali, tira lá põe cá, vai arte e volta de arte. E em um processo que envolve as pessoas e seus sonhos e aproxima a gente, o livro foi nascendo como ele sonhava. Processo esse que me nutre pois sei que estou usando minhas habilidades para ajudar a trazer alegria ao outro. E finalmente pronto, impresso, ficou lindo, lindo, lindo!

Para curtir muito e compartilhar anos de produção fotográfica ordenado assim, num Livro Pessoal, esse projeto agora vai exibir, guardar, presentear, e espalhar mais ainda por aí o trabalho do Henrique mundo afora!!!

Fico muito grata pela confiança. É delicioso e um grande orgulho fazer parte disso. Muito obrigada Henrique!

 


Criando um Livro – Sobre o Processo Criativo

Quer saber mais sobre o processo de criar um projeto assim? Quer entender como surgem os ícones, são escolhidas as fontes e os espaços e manchas definidos como estão?

Por aqui funciona assim, depois de muita conversa (coleta do briefing), checadas todas as informações de dados e arquivos enviados, define-se o formato do livro e quantidade de páginas necessárias para acomodar todo o conteúdo. Já dou uma passeada em referências mil para pensar no projeto. E disso nasce um boneco, esboçado com lápis, que aprovado, dá lugar ao próximo passo. Agora é sentar na frente do computador e então começar a criação. E surge a primeira proposta de identidade.

Rola aí para baixo e veja como eu pensei o Projeto Visual inicialmente.
Essa foi a apresentação 1 da Proposta que apresentei ao Henrique, explicando e justificando cada elemento. Olha que legal.



projeto de livro pessoal










No fim, foram feitas mudanças, que refletem a personalidade do “dono” do livro, e ficou maravilhoso! O trabalho pensado no começo da jornada muitas vezes passa por uma metamorfose, e no fim, borboleteia livre mundo afora.

Quando tiver um tempinho, clica aqui para folhear e voar junto com a gente.

 


Sobre a Impressão do Projeto

O projeto foi impresso com a Blurb, empresa que entrega Livros sob demanda no mundo inteiro. A primeira cópia, contratada comigo, foi publicada em meu perfil, e o Henrique recebeu o projeto contratado pronto. Depois, o livro foi publicado em perfil próprio do Henrique, e hoje, está disponível online para venda direta, através da própria empresa impressora, a Blurb. Por lá mesmo ele gerencia novos pedidos de cópias quando quiser.

Infelizmente, os valores de impressão com a Blurb hoje, em função do valor do dólar e das taxas alfandegárias e de importação são restritivas para quem pensa em usar essa plataforma para auto-publicação. Mas eu espero ansiosamente o dia em que no Brasil esse mercado amadureça e possamos encontrar algo com a mesma proposta e qualidade que a Blurb oferece lá fora.

Se quiser saber mais sobre a Blurb, veja aqui um outro post bem completo onde eu conto mais sobre minha experiência com ela.

 

E é isso! Que achou? Animou para imprimir os próprios sonhos aí?

 

 

Juliana, me desenha um livro de fotografia lindooooo?
Classificado como:            

2 ideias sobre “Juliana, me desenha um livro de fotografia lindooooo?

  • 22 de Fevereiro de 2018 em 12:35
    Permalink

    Show de trabalho! Parabéns!

    Resposta
    • 22 de Fevereiro de 2018 em 14:11
      Permalink

      Jê querida! Muito, muito obrigada ♥. Bju grande.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial